Fora de lugar

Offset. O termo identifica, no linguajar gráfico, o método de impressão utilizado para a produção de tiragens em larga escala, como as de jornais e revistas. Nesse método, a tinta não toca diretamente o papel, pois a impressão é realizada por meio de um cilindro de borracha. Ela é, portanto, indireta ou “fora do lugar” –uma das interpretações possíveis para a expressão, originária da língua inglesa.

Nós também estivemos fora de nossos tradicionais lugares neste semestre. Após poucas semanas de aulas presenciais, o local de estudo migrou do campus universitário para nossas casas, seguindo um modelo de aulas síncronas, realizadas online. O distanciamento social foi uma alternativa encontrada pelos órgãos públicos para combater o contágio da pandemia da Covid-19, provocada pelo coronavírus.

Tema praticamente onipresente no primeiro semestre de 2020, a pandemia tirou da zona de conforto não apenas alunos e professores, como mostra a matéria Influência digital muda rotina gaúcha. Ela impactou, também, o esporte (Esporte mais popular do Planeta, o futebol sofre impacto da pandemia), a forma como consumimos cultura (Lives são a alternativa adotada pelo setor musical), e gerou conexões entre solidariedade, tecnologia e ciência (Solidariedade cresce em Caxias do Sul e região e favorece comunidades). O período de isolamento social trouxe, também, sentimentos nostálgicos. Nosso olhar em retrospectiva destaca, nesta edição, os 30 anos do lançamento do Telescópio Hubble (Odisseia no espaço: Telescópio Hubble completa 30 anos de lançamento) e do Super Nintendo (30 anos do Super Nintendo fazem relembrar o Rei dos 16-bits).

Além dos desafios da produção do conteúdo a distância, sem contato presencial com professores, colegas ou mesmo com as fontes para as reportagens, a primeira turma da disciplina de Laboratório de Jornalismo Impresso e Online enfrentou os desafios da convergência. Em um cenário de mudança constante, a produção foi supervisionada por duas professoras, separadamente, com o objetivo de adaptar os conteúdos e narrativas para dois tipos de plataformas: papel e internet. O fruto desse trabalho é a Revista Offset, que é uma só, mas, ao mesmo tempo, duas, já que tem uma versão impressa e outra digital.

Na versão impressa, o leitor encontra um QR Code, que lhe permite um mergulho na revista digital, com vídeos, áudios, galeria de fotos e hiperlinks. E da revista digital o leitor pode acessar (link) uma versão PDF da revista impressa.

A primeira edição da Offset teve objetivo, ainda, de apresentar a transformação e a importância da comunicação neste período marcado pelo trânsito do jornalismo entre o mundo digital e o mundo concreto, repletos ambos de uma nova pandemia: a das fake news. Buscamos reforçar que o jornalismo é importante em todas as situações e que ele precisa reassumir essa posição no tecido social, somando para um mundo mais saudável e melhor.